Séries

Published on agosto 14th, 2014 | by Equipe PeS

0

True Blood – S07E08

Saindo do marasmo. Mais ou menos

Estamos pirando com esse final de True Blood. Porque tudo tá ruim tá ótimo igual esse vídeo aqui da Maísa. Então a gente decidiu fazer um review. Porque sim.

Neste oitavo episódio desta sétima e derradeira temporada tivemos um pouco mais de ação. Aleluia. Aliás. Violet e seu consolo flamejante foi o que salvou este último de ser chato que nem o sétimo.

Hoyt acabou sendo bem legal como o herói improvável deste epi. E ele ainda foi visitar a Jéssica numa cena que lembrou muito o término do relacionamento deles, com cada um conversando de um lado da porta.

Sei não, mas isso cheira a possibilidade de eles terminarem juntos, já que Jess e Jason definiram a relação como uma amizade especial, ou algo assim.

Maaaaas tchananam. Vai que rola um threesome né galeris? Hoyt tá sem memória e Jason tava em dúvida depois de sonhar com o Eric. A gente não ia achar ruim não. Fik dik.

Libera a moita, capivara! E deixa o Hoyt pra gente!

Sobre a Tara. O que dizer? Muito mistério pra pouca coisa. Deu um fim pra história. Só que podiam ter resolvido esse flashback antes.

Por último mas não menos importante. E motivo de grande abuso: essa crise de consciência do Bill pra quem era o deus vampiro todo poderoso foi meio too much.

Restam ainda dois episódios de uns 50 minutos então precisa esticar o rabo da lagartixa até lá.

Mas esse papinho do Bill de “Sookie você era luz raio estrela e luar e eu só tinha trevas a te oferecer” é muito Edward em “Crepúsculo”. Ou seja. Thanks, but no thanks.

Pelo menos ele explicou porque stalkeava ela e comprova a teoria de que se esses personagens conversassem 5 minutinhos, não ia existir essa série hahahahha

E o bebê feito de sombras? Pode ser a morte. Mas também pode não ser nada.

Semana que vem a gente descobre!

 

Texto por: Fernanda e Will

Tags: , , , , , , , , ,


About the Author

Posts escritos pela equipe do Pilhas em Série. Quase uma conversa de boteco.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑