Posted on: 9 de janeiro de 2014 Posted by: Fernanda Correia Comments: 0

Quando “2 Broke Girls” fez com que as protagonistas conseguissem o objetivo delas (montar a loja de cupcakes) eu pensei que era o fim da série.

Mas elas perderam o negócio pouco depois e os personagens começaram a ganhar mais importância do que o sonho das duas.

Primeiro, Caroline que finalmente entendeu que não vai rever seu dinheiro e que a realidade dela agora é outra. Han que não aceita mais os comentários de Max calado. Oleg e Sophie continuam sendo um casal/não casal que conseguem fazer os comentários mais absurdos sobre sexo ficarem hilários. E meu amor à parte para Earl <3.

Agora as duas estão tentando levar em frente uma nova loja, mais modesta, no fundo da lanchonete. E que começou com um astro britânico do rock morrendo na janela e atraindo fãs inconsoláveis (e deixando Han irritadíssimo).

E eu simplesmente não consigo não amar a Max. O humor mal humorado dela é simplesmente delicioso e rolou aquela identificação bonita com os momentos que eu estou de mal humor.

Ao contrário do que acontece em outras séries, quando a gente quer muito que nossos personagens queridos se deem bem , eu sigo torcendo para elas continuarem quebradas, mas bem humoradas. Não sei como viver sem a sabedoria do Earl. “Eu não gosto de gatos. Gatos roubam sua maconha”, Earl.

Últimos posts por Fernanda Correia (exibir todos)

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.