Livros

Published on novembro 10th, 2014 | by Will

0

Noites de Alface

Uma história sobre as perdas e a vida


imgCrop400Vanessa Barbara, vocês sabem, a gente ama. Eu estava bem ansioso para ler “Noites de Alface”, até que para compensar algumas chateações a Raíra deixou eu comprar o livro na época em que estava rolando a Bienal do Livro de São Paulo.

E daí que eu gostei. É divertido. Mas demorei um tiquinho pra engrenar na história, talvez afugentado pela sisudez de Otto, o protagonista desta trama tão singular.

Todo cheio de manias, Otto vive o dilema de ter que lidar com a morte de Ada, sua esposa com quem foi casado por muitos anos. Bem na dele, Otto vive isolado enquanto é meio que forçado a acompanhar a vida de seus vizinhos e outras figuras excêntricas da pequena cidade onde mora.

São paredes finas e barulhos altos. Latidos, o tec tec de uma máquina de escrever, um liquidificador, o carteiro que canta. Enquanto acompanhamos como Otto lida com isso, somos apresentados aos outros personagens, como Nico, um farmacêutico viciado em efeitos colaterais descritos nas bulas de remédios e o sr. Taniguchi, um veterano japonês da Segunda Guerra.

Cada personagem tem sua importância e as histórias de cada um são marcantes, criativas e ficam na cabeça. Juntas renderiam um filme.

“Noites de Alface” é bem peculiar. Vanessa escreve sobre coisas bem específicas e transforma a banalidade do cotidiano em literatura e entretenimento.

A saborosa história a princípio triste e engraçada com seus personagens todos cheio de manias se transforma num bem amarrado suspense e Vanessa conduz isso tudo muito bem.

Além de ficar com algumas situações martelando nas ideias por dias esse livro tem pelo menos dois efeitos colaterais: faz a gente querer tomar chá de alface. E dá muita vontade de comer couve flor à milanesa.

Tags: ,


About the Author

Tem mais livros que amigos, mas tem os melhores amigos do mundo e troca qualquer série para estar com eles sempre que possível



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Back to Top ↑